Libertando-nos com os Oxfords femininos/ Freeing us with female Oxfords

IMG_3874-1280Tal como o contexto cria o seu próprio sentido, quem usa uma peça de vestuário imprime nela a marca indelével da sua personalidade. Katharine Hepburn e Marlene Dietrich conseguiam sentir-se confortáveis e parecer enigmáticas e ousadas quando calçavam os seus históricos sapatos “Oxfords”. O aspecto andrógino, elegante e descontraído dos fatos masculinos redesenhados e da roupa feminina de corte austero marcou uma forte posição a favor de conforto e da liberdade de movimentos depois da Segunda Guerra Mundial.
Hoje em dia, os “Oxford de mulher” tornaram-se o último grito de elegância sofisticada e altamente confortáveis.

IMG_3876-1280-682x1024

English version

IMG_3876-1280-682x1024As the context creates its own sense, who uses an article of clothing prints on it the indelible mark of his personality. Katharine Hepburn and Marlene Dietrich were able to look enigmatic and bold and also were feeling comfortable when they were wearing their historical shoes “Oxfords”. The androgyny, elegance and the redesigned men’s suits and women’s clothing austere court marked a strong position in favor of comfort and freedom of movement after the World War II.

Nowadays, the woman Oxford became the ultimate sophisticated elegance and highly comfortable.